Ir para o conteúdo

Prefeitura de Iepê e os cookies: nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
ACEITAR
PERSONALIZAR
Política de Cookies e Privacidade
Personalize as suas preferências de cookies.

Clique aqui e consulte nossas políticas.
Cookies necessários
Cookies de estatísticas
SALVAR
Prefeitura de Iepê
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social Instagram
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
JAN
29
29 JAN 2024
SAÚDE
Ações contra dengue evitam a proliferação da doença em Iepê
enviar para um amigo
receba notícias
Boletim Informativo registra apenas 1 caso positivo da doença, diferentemente do mesmo período de 2023
A prevenção é a arma da Prefeitura de Iepê contra a dengue. A Secretaria Municipal de Saúde, por meio da Vigilância Epidemiológica, intensificou as ações para evitar o aumento de casos no atual cenário epidemiológico do resto do país.
Desde que o município passou por uma epidemia de dengue em 2023, o poder público adotou diversas medidas para conter o avanço da doença como erradicação de focos do mosquito Aedes aegypti por meio de arrastão, nebulização nos bairros, desobstrução e limpeza dos bueiros da rede de águas pluviais, roçagem de terrenos públicos e ainda o trabalho educativo como estratégia de enfrentamento e combate à doença.
Para se ter uma ideia da importância das ações promovidas, no Boletim Informativo desta segunda-feira, 29 de janeiro, o município registra apenas 1 caso positivo de dengue, contra 99 casos confirmados da doença durante todo o mês de janeiro de 2023.
Neste mesmo período, foram 179 notificações da doença contra somente 4 notificações em 2024.
Mesmo com as ações do poder público para conter a proliferação do mosquito transmissor da dengue, a população deve ficar atenta e também fazer sua parte.
É importante observar possíveis focos do inseto, que deposita seus ovos em água parada e limpa. Além disso, é importante receber os agentes de saúde e endemias, que realizam visitas nas residências para vistoriar e eliminar criadouros do mosquito.
Fonte: Assessoria de Comunicação
Autor: Ivo Capeloti - MTB 83417/SP
Seta
Versão do Sistema: 3.4.0 - 05/02/2024
Copyright Instar - 2006-2024. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia